17.1 C
Santiago do Chile
VINHOS

VINHOS MERLOT

O Vinho elaborado com a uva Merlot é um vinho suave e elegante, mas que pode ter características bem distintas, dependendo do local do cultivo da uva (regiões quentes produzem vinhos distintos dos de regiões frias) e da forma como é vinificado.

Uva Merlot, te explicamos sus características e historia.

Desde a sua terra natal em Bordeaux, a Merlot tem sido exportada e plantada em todo o mundo. Ela é uma uva muito versátil que pode produzir vinhos ligeiros e frutados destinados ao consumo imediato, assim como vinhos pronunciados e concentrados que melhoram com o envelhecimento no barril e na garrafa.

Frequentemente se utiliza a Merlot para adicionar uma agradável suavidade aos blends com variedades mais tânicas, como é o caso da Cabernet Sauvignon.


ORIGEM

A complicada classificação dos vinhos de Bordeaux | | Viva o Vinho

A Merlot é descendente da Cabernet Franc. Seu nome foi devido à semelhança dos seus cachos maduros com a penugem do pássaro Merle, comum nos vinhedos da região de Bordeaux. E de fato, ela surgiu na França, nessa mesma região.

CARACTERÍSTICAS

merlot_6
  • Preferência de clima: Se dá bem em climas temperados e quentes.
  • Preferência de solo: frio e úmido
  • Tipo: vinho seco
  • Pele: fina
  • Cachos: médios
  • Acidez: média
  • Taninos: médios
  • Uvas maduras de merlot geram vinhos de pouco a médio corpo, sabores de frutas vermelhas e notas herbáceas (pimentão verde).
  • Uvas sobremaduras de merlot vão gerar vinhos de corpo médio-alto, com sabores de frutas maduras. Esse estilo de vinho mais maduro pode ser conseguido tanto em climas quentes como em climas mais temperados (fazendo a colheita tardia).
  • Generalizando os aromas: framboesa, cereja negra, frutas cristalizadas, chocolate e cedro.
  • Em climas frios, variam mais para groselhas e ameixas, enquanto nos quentes, tendem a frutas negras em geleia ou compota.
  • Temperatura ideal de serviço: 16 graus
  • Taça: Estilo Bordeaux (porque ela é ideal para movimentar e oxigenar o vinho).
  • Dia internacional da Merlot: 07 de novembro.
the-color-of-merlot-in-a-glass

OPÇÕES DE VINIFICAÇÃO E ENVELHECIMENTO

La uva Merlot (con imágenes) | Imagenes de vinos, Recetas de ...

Como eu falei anteriormente, a Merlot serve tanto para produção de vinhos monovarietais como para blends. No caso dos blends, ela vai adicionar sabores de frutas vermelhas e vai baixar a quantidade de taninos, fazendo com que os vinhos fiquem prontos para serem consumidos mais cedo.

  • Se utiliza o carvalho? Sim e não! Um estilo de vinho mais ligeiro de Merlot vai ter pouca necessidade de um prolongado envelhecimento no barril. Já um estilo mais encorpado pode se beneficiar da suavidade e da complexidade de sabor adquirida com o envelhecimento em carvalho.

Os melhores vinhos monovarietais tem potencial de envelhecimento, desenvolvendo notas de frutas secas e tabaco ao largo do tempo.


REGIÕES PRODUTORAS IMPORTANTES

FRANÇA – BORDEAUX

Vinícolas em Bordeaux, na França: as melhores pra visitar - Carpe ...

A região de Bordeaux, no sudoeste da França, é o lugar clássico da Merlot! Essa região tem um clima temperado, com níveis altos de precipitação devido à sua proximidade ao oceano Atlântico.

Aqui os vinhos geralmente são blends de Merlot com Cabernet Sauvignon, sendo a Merlot a variedade mais plantada na região. A proporção das duas em um blend vai depender do estilo de vinho pretendido, mas os tipos de solo e os padrões meteorológicos anuais também tem um impacto importante.

Bordeaux tem duas “orelhas” de regiões produtoras principais: a esquerda e a direita.

  • Orelha esquerda: Médoc, Graves e Sauternes.
  • Orelha direita: Pomerol e Saint-Émilion.

Os vinhos rotulados como “Bordeaux AOC” ou “Bordeaux Supérieur AOC” são normalmente blends em que predomina a Merlot. Esses vinhos podem ser elaborados a partir de quaisquer vinícolas plantadas na região de Bordeaux.

  • Regiões que produzem os vinhos mais famosos: Pomerol e Saint-Émilion. Os vinhos que vem daqui tem excelente qualidade, são super encorpados, muitos aromas de frutas negras e sabores provenientes do envelhecimento em carvalho. Esses vinhos podem envelhecer bem na garrafa, desenvolvendo complexos aromas de frutas secas e tabaco.

FRANÇA – SUL

Borgonha: conheça esse destino da França repleto de vinhedos ...

A Merlot se encontra amplamente plantada no caloroso sul da França. Aqui vai ser possível encontrar vinhos monovarietais Merlot em todos os níveis de qualidade e também blends dela com outras variedades tintas, como a Cabernet Sauvignon, Grenache e Syrah.

ESTADOS UNIDOS

Clássicas Rotas de Vinho da Califórnia | Visit California

Não preciso nem falar que Califórnia é a estrela desse país, né? Produz vinhos Merlot de todos os estilos e níveis de qualidade.

Os blends com outras variedades de uvas tintas são comuns, mas o Merlot monovarietal também é importante em muitas áreas da Califórnia. Se encontram bastantes sabores de carvalho (baunilha, côco, defumado). Os vinhos muito bons de qualidade excelente normalmente envelhecem em barris novos! Já os produtores de grande volume podem usar as lascas de madeira de barris antigos.

  • Rótulo “Califórnia” – vinhos frutados e de corpo médio
  • Napa Valley e Sonoma – vinhos concentrados e com muito corpo

CHILE

Bebiendo el terroir: Valle Central de Chile - José Laguna - Medium

A Merlot madura bem no quente e seco Valle Central do Chile, onde a cada ano é possível obter rendimentos altos de uvas completamente maduras.

Para marcas de grandes volumes destinadas ao consumo imediato, o Valle Central é uma fonte particularmente importante de vinhos Merlot suaves e de corpo médio. Entretanto, os efeitos moderadores da altitude permitem também a produção de estilos de Merlot mais frescos.

ÁFRICA DO SUL

Clima Stellenbosch – Temperatura • Mejor época para viajar • Tiempo

A região de Stellenbosch construiu uma reputação sólida pelos seus vinhos tintos complexos e com potencial de envelhecimento, elaborados a partir das variedades clássicas de Bordeaux.

O clima dessa região montanhosa varia de temperado a quente, dependendo da altitude da vinícola e da influência das brisas do mar.

AUSTRÁLIA

Austrália: uma joia do Novo Mundo | Winepedia

Aqui, se usa a Merlot tradicionalmente como parte de uma mescla com Cabernet Sauvignon em vários vinhos tintos de alta qualidade, como é o caso dos provenientes de Margaret River, região de Western Austrália.

NOVA ZELÂNDIA

Hawkes Bay | New Zealand Travel

Principal região produtora: Hawke’s Bay, na ilha Norte. Essa região tem um clima temperado, com muita precipitação. O estilo dos vinhos varia de vinhos ligeiros e frutados a vinhos com muito corpo e potencial de envelhecimento.

Podemos encontrar ela em vinhos monovarietais ou em blends com o Cabernet Sauvignon.

HARMONIZAÇÃO

Quais os tipos de comida que devem acompanhar com vinhos merlot ...
  • Queijos duros
  • Carnes vermelhas: fraldinha, filé mignon, maminha, bife ancho, picanha
  • Carne suína
  • Cogumelos

CURIOSIDADES

Merlot

Sabia que vinhos CARÍSSIMOS são elaborados com a Merlot? Chateau Cheval Blanc, o Chateau Petrus e o Le Pin são alguns exemplos.

O Chateau Petrus, por exemplo, que é elaborado praticamente somente com Merlot (tipo 95% do blend), já foi vendido por aproximadamente USD 1.900! LOUCURA!

Outra coisa: atualmente existem dois tipos de vinhos Merlot: (1) o estilo internacional, elaborado no novo mundo, no qual a uva é colhida mais tarde (no momento em que está mais madura), com teor alcoólico mais alto e que resulta em um vinho mais encorpado.

E (2) o tradicional estilo de Bordeaux, que usa uva colhida mais cedo para manter a acidez e produzir vinhos de corpo médio, com teor alcoólico moderado.

E ainda mais: vinhos de regiões mais frias, como França, Itália e Chile, são mais estruturados, com maior presença de taninos e aromas de tabaco. Já os vinhos de regiões mais quentes, como da Califórnia, da Austrália e da Argentina, são mais frutados e com taninos menos predominantes.

Outro diferencial é o teor alcoólico: nas regiões mais quentes os vinhos tendem a ter um percentual alcoólico mais elevado, em torno de 14,5%, ao passo que os vinhos de regiões mais frias ficam em torno de 13,5%.


Finalizando nossa aula

A Merlot tem sido considerada as vezes uma variedade mais adequada para criar vinhos de marca de grande volume ou para blends com variedades que tem mais taninos – como a Cabernet Sauvignon. Hoje, os produtores de todo o mundo estão demonstrando que a Merlot pode originar vinhos impressionantes e complexos, com excelente potencial de envelhecimento, sem que para isso seja necessário mesclá-la com outras variedades. Seu nível médio de taninos e sua acidez média a converteram em uma uva maravilhosamente versátil que é capaz de produzir vinhos refrescantes e sem carvalho em todos os níveis de qualidade, assim como vinhos de sabores potentes que se beneficiam enormemente com um período de envelhecimento em carvalho ou em garrafa.

Espero que tenham curtido bastante essa aula, e caso tenha caído aqui de paraquedas, estamos fazendo um curso online gratuito sobre vinhos! Clica aqui para acessar a primeira aula 🙂 Beijão!

Related posts

VINIFICAÇÃO – COMO OS VINHOS SÃO PRODUZIDOS?

Laíse Mesquita

VINHOS TEMPRANILLO

Laíse Mesquita

INTRODUÇÃO AO MUNDO DOS VINHOS

Laíse Mesquita
%d blogueiros gostam disto: