17.7 C
Santiago do Chile

ALERTA DE GOLPES

Laíse Mesquita

ANTES DA LEITURA:

Atenção: todos as situações que citaremos aqui são recorrentes com os turistas. Todos os dias recebemos relatos de pessoas que passaram por uma ou até mais situações.

Nosso intuito aqui é de deixar explícito o que pode acontecer, e te alertar para que você RECONHEÇA caso venha a passar com você.

Como a fama de Santiago é de “ser uma cidade muito segura” – o que realmente é, em comparação ao Brasil – muitos turistas chegam e descuidam de coisas simples.

Leia todas as situações e golpes, porque nada é mais válido que o pré-conhecimento antes que algo aconteça.

FURTOS NA PRAÇA DE ALIMENTAÇÃO DE SHOPPINGS

É muito comum ouvirmos relatos de experiências desagradáveis onde turistas tiveram seus pertences furtados sem nem perceberem!

Um lugar onde isso acontece muito é em Shoppings! Principalmente no Costanera.

Dicas:

Não deixem a bolsa pendurada na cadeira (preferencialmente no seu colo).

Não deixem carteira/celular/objetos de valor em cima das mesas

Esses episódios são tão comuns, que eles colocaram seguranças caminhando na praça de alimentação avisando às pessoas que deixam suas mochilas na cadeira/no chão, para que coloquem junto ao corpo.

FURTOS NO JUMBO POR UM CASAL DE IDOSOS

Normalmente um casal de idosos vai se aproximar de você. Um vai pedir ajuda para ler o rótulo de uma embalagem. Enquanto você estiver concentrado tentando decifrar o rótulo, a outra pessoa vai estar ali do seu lado tranquilamente tirando sua carteira/celular da sua bolsa sem você nem sentir.

Com todas as vítimas, a sensação é a mesma: “Eles tem a mão muito leve! Eu nem senti!”

Então, cuidado caso uma situação parecida aconteça.

FURTOS EM CARRINHOS DE SUPERMERCADOS

Parece “óbvio” demais falar disso, mas não é. Sabemos que todos sabem que não se deve deixar sua bolsa em um carrinho de supermercado enquanto você seleciona os seus vinhos.

“Vou deixar embaixo de todas as minhas compras, porque vai ser impossível uma pessoa pegar minha bolsa. Teria que tirar todas as minhas compras do carrinho para conseguir”.

Vocês ficariam impressionados com a quantidade de vezes que já ouvimos situações como essa! De alguma forma, eles conseguem pegar suas coisas, mesmo que estejam bem no fundo. Normalmente essas pessoas já identificam quem são os turistas, pois caminham mais devagar, ficam mais tempo analisando os produtos… então, só esperam um momento de distração para isso.

Não dê bobeira, deixe sempre sua bolsa junto com você.

DICAS DE BOLSAS

Escolha bolsas que fiquem atravessadas no seu corpo, e sempre andem com ela fechada!

Uma opção melhor ainda seriam as doleiras, que ficam dentro da sua roupa!

ALUGUEL DE CARROS PARA VIÑA/VALPARAÍSO

Situação 1: Se você optar por estacionar o carro na rua ao invés de estacionamentos regularizados, enquanto vocês saem para turistar, vem um grupo para quebrar os vidros e roubar absolutamente tudo de dentro do carro. Principalmente na área portuária e na zona do Cerro Alegre.

Situação 2: Um grupo espera você sair do carro para tirar suas fotos em determinado ponto turístico e fura os pneus do carro. Logo em seguida, se aproximam oferecendo ajuda. Enquanto um te ajuda na missão de trocar o pneu, o outro tá por trás roubando as coisas de dentro, sem você nem perceber.

Se vocês entrarem em comunidades brasileiras de Santiago, como por exemplo o Migrakut, no Facebook, vocês vão ver a quantidade de pessoas que já passaram por isso e alertam sobre esse estilo de furto.

GOLPES EM CASAS DE CÂMBIO

Cuidado com notas falsas na hora de trocar o seu dinheiro em casas de câmbio desconhecidas. Sempre procure saber a reputação daquele estabelecimento e quais são as mais recomendadas pelos brasileiros que moram aqui.

Inclusive, fechando o transfer ida e volta com a gente, você ganha de brinde uma caneta identificadora de notas falsas – onde você pode já verificar ali mesmo na casa de câmbio se as notas são verdadeiras ou não.

Também ensinamos aqui no site como reconhecer apenas com alguns toques e símbolos visuais. Clica nesse botão abaixo para aprender.

APRENDER A IDENTIFICAR

FURTOS EM METRÔS

Isso é o que mais acontece! Principalmente em horários de pico, que o metrô é lotadíssimo.

Dica: Nunca deixem seus celulares no bolso de trás da calça jeans ou no bolso da sua jaqueta. A coisa mais fácil do mundo é esbarrar em você e tirar do seu bolso ou levemente abrir seu zíper e pegar seu celular.

Sim ou sim, sempre deixe seu celular na sua doleira ou nos bolsos da frente, onde você possa deixas sua mão em cima o tempo inteiro.

"MAS POSSO ANDAR COM MEU CELULAR NA MÃO?"

Poder você pode! Mas sem nunca descuidar! Todo cuidado é pouco – assim como em qualquer outra capital.

Aqui em Santiago são raríssimos os casos de roubos à mão armada (principalmente no Centro, Providencia, Las Condes e Vitacura), por isso é considerada uma cidade bem tranquila para turistar. Já ouvimos casos de roubos em cada um desses bairros (a maioria no centro), mas nenhum à mão armada.

Então sim, você pode andar com seu celular na mão para registrar os momentos maravilhosos da sua viagem, mas sempre olhe para os lados para ver se não tem alguém te observando de forma estranha.

GOLPE DOS TAXISTAS

Não queremos generalizar, cada profissional é um profissional. MAS, 6 entre 10 pessoas que pegam táxi em Santiago, sofrem algum tipo de golpe.

Exemplos dos mais comuns: fazer um caminho 3 vezes maior para que a corrida saia mais cara (aproveitando que você é turista e não conhece nada da cidade mesmo).

Adulterar o taxímetro (ao invés de subir de valor regularmente, subir 3 vezes mais. Apenas um exemplo: em 1 min a corrida está em 1000 pesos, em 2 min está em 2.000 pesos e em 3 min está em 7.000).

Trocar os seus bilhetes na hora do pagamento (exemplo: sua corrida deu 20.000 pesos e você deu uma nota de 20. Ele troca rapidamente por uma que já está embaixo da sua perna e diz que você deu uma de 2. Como as notas chilenas tem muitos zeros, é normal os turistas se confundirem e acharem que o taxista está falando a verdade. Resultado: acabam pagando duas vezes pela corrida. Dica nesses casos: sempre lembrem da COR da nota que vocês estão entregando e FALEM no momento da entrega: aquí están los 20.000 pesos.

A cédula de 20.000 é laranja, e vale aproximadamente 100 reais. A cédula de 2.000 é roxa e vale aproximadamente 10 reais. É grande a diferença!

Esses golpes já aconteceram inclusive com funcionários da empresa que pegaram táxis em situações de emergência.

Dica: SEMPRE dêem preferência à todos os outros meios de transporte. Se realmente quiserem pegar um táxi, chamem pelo “Easy Taxi” ou “Cabify”, que vocês conseguem ter uma segurança maior pelo aplicativo.

GOLPE NOS AEROPORTOS

Normalmente, a maioria dos turistas já chega no aeroporto com um transfer agendado esperando por eles.

Nesse tipo de golpe, um chileno se aproxima de vocês, simula uma ligação no telefone, fala que o transfer não vai conseguir chegar à tempo e que foi encarregado de levar vocês ao hotel, já que ele se apresenta como um dos transfers oficiais do aeroporto.

Alguns brasileiros – já cientes que isso poderia acontecer – conectam seus celulares à rede Wifi do aeroporto para confirmar a informação com o transfer. No momento que ele percebe que vocês tem internet, diz que “volta já” e desaparece.

É triste essa situação porque muitos brasileiros acreditam e no final da corrida, esse taxista acaba cobrando o dobro do valor da corrida, ameaçando só tirar as malas do carro após o pagamento. (Vários relatos na internet contando exatamente a mesma coisa).

Dica: Jamais saiam do aeroporto sem ter um VALOR FIXO combinado com o transfer que vocês escolherem – mesmo que seja um dos verdadeiramente oficiais do aeroporto.

%d blogueiros gostam disto: